Marketing digital: como utilizar na minha empresa?

A gente poderia chegar aqui e falar que a internet tem sido um dos principais canais para fomentar a publicidade da sua marca, que as pessoas acessam muito mais seus smartphones comparado às vezes que abrem um jornal ou uma revista e etc. Mas tudo isso você já sabe e não é nenhuma novidade.

Mas é fato que tudo isso mudou o comportamento do consumidor. Seus hábitos de rotina mudaram, seus hábitos de consumo mudaram e seu comportamento de compra também mudou. Grande parte das pessoas pesquisam os produtos na internet antes de buscar em uma loja presencial. Isso pode incluir mídias sociais, e-commerce ou sites.

Se eu quero saber como resolver uma conta matemática, eu posso pesquisar na internet. Se eu quero saber o que é marketing digital, eu pesquiso na internet. Se eu quero saber se vale mais a pena comprar produto x ou y, eu pesquiso na internet. Você já percebeu que nosso comportamento está baseado em pesquisas online para definir nosso consumo?

E é por isso que o tema do nosso blog de hoje é falar sobre o marketing digital. Afinal, o que significa esse termo e de que forma eu posso utilizá-lo na minha empresa? É isso que vamos ver a seguir – vem com a gente!

Afinal, o que é marketing digital?

Falar em marketing digital hoje virou rotina. Todo mundo acha que sabe fazer marketing digital. Mas vamos te contar um segredo: marketing digital não é apenas fazer um post bonitinho do seu produto e postar nas mídias sociais. Marketing digital é muito mais que isso, mas muitas pessoas ainda não sabem.

Vamos falar sobre o real significado do termo: nada mais é que o conjunto de estratégias voltadas para o posicionamento de uma marca na internet. Desta forma, ele se difere do marketing tradicional por envolver o uso de diferentes canais online, bem como métodos que permitem a análise de resultados em tempo real.

Sem custos altíssimos, existem diversas formas de anunciar seu produto ou seus serviços através do marketing digital: ele pode envolver sites, blogs, anúncios em diversas plataformas, publicações patrocinadas e muito mais.

No marketing digital, quem tem poder é o seu consumidor – e ele é muito maior. Quem pesquisa pelo produto ou quem está nas redes, é ele. Você precisa atrai-lo, conquistar sua confiança e construir um relacionamento. Relacionamento. Essa pode ser a palavra-chave para qualquer estratégia construída no marketing digital.

Tá. Calma. Por onde eu começo? Quais estratégias eu posso utilizar na minha empresa? É sobre isso que vamos falar agora.

O site como um cartão de visitas

Fica mais fácil referenciar as estratégias digitais quando pensamos no nosso dia a dia. Lembra do cartãozinho de visitas, que você possivelmente entregava para seus clientes entrarem em contato com você, caso tivessem dúvidas ou precisassem dos seus serviços? Esse pode ser o seu site na internet.

Basicamente, é nele que você vai colocar todas as informações sobre sua empresa. Quem você é, o que você vende, sua prova social e seu portfólio, caso tenha. Ah, e claro: seu famoso cartão de visitas, com endereço, contato e todos os links de acesso dos seus canais digitais.

O que você precisa ter em mente é que, quando alguém abrir seu site, ele precisa saber tudo sobre você. E mais: ele precisa entender porque precisa comprar de você e não do seu concorrente. Você precisa conquista-lo. É por isso que o site é muito mais que um gasto, é um investimento.

Veja seu site como um canal exclusivo da sua marca na internet. É como se seu site fosse sua casa própria, e seus perfis nas mídias sociais fossem suas casas alugadas. Ou seja, na sua casa própria, quem cuida e quem manda é você. Já nas mídias sociais, você segue um padrão estabelecido pela ferramenta. Se ela mudar, você se adapta e aceita. Simples assim.

O blog como um facilitador para seu público

A gente falou antes sobre as pesquisas na internet, né? Quando eu pesquiso o que é posicionamento de marca, o Google mostrará artigos e conteúdos com base na minha pesquisa – que podem me levar até um blog. Portanto, esse é o canal que você ajuda seu público e conquista sua empatia.

Digamos que seu nicho de mercado seja voltado para estética, ok? Então você precisa provar para seu público-alvo que você realmente é especialista no que faz, tem expertise nisso. Que tal utilizar seu blog para isso? Mas, calma. Antes de tudo é preciso planejamento.

Faça um calendário editorial para as publicações do seu blog. É interessante que você utilize até mesmo as próprias dúvidas dos seus clientes para criar artigos e solucionar a dúvida de outras pessoas. Isso mostra sua marca como autoridade no assunto, e as pessoas irão perceber que você realmente entende do que fala. Isso te ajuda a conquistar sua confiança.

Neste ponto, é importante lembrar: hoje em dia, as pessoas estão na internet não apenas para comprar. Elas não querem somente receber conteúdo comercial o tempo inteiro. Elas querem aprender. Elas pesquisam isso. E como a gente já falou, quem tem poder na internet é o consumidor. Dê a ele o que ele está pedindo.

O anúncio como uma forma de atração

Talvez, enquanto você lia o artigo, você pensou: “tá mas, tem tanta gente no mesmo segmento que eu, como vou conseguir mostrar o conteúdo da minha marca para as pessoas?” A resposta é simples: pagando. É desta forma que as plataformas na internet sobrevivem: utilizando o consumidor como “produto”, e as empresas para comprar esses dados e atingir seu público-alvo.

Vamos simplificar. Você já ouviu falar em anúncios patrocinados? Ou então, você pesquisou sobre algum produto na internet, e depois ele apareceu em forma de anúncio para você? Isso não foi obra do destino, acredite. Isso aconteceu através dos anúncios patrocinados das plataformas digitais.

Mas, antes de sair fazendo anúncio para tudo quanto é lado, é importante ter foco. Onde está seu público? Quais ferramentas ele utiliza? De que forma ele pode vir a buscar pelo seu produto ou serviço? Somente depois de definir a persona da sua marca e sua jornada de compra, você poderá atrai-lo através dos anúncios patrocinados.

Depois disso, tem uma série de formatos que você pode utilizar para anunciar sua marca – vai depender do seu objetivo e do seu público-alvo. Você pode, por exemplo, anunciar sua marca através da rede de pesquisas do Google, se você pretende atingir seu público através da sua pesquisa. Ou seja, seus anúncios só aparecerão para as pessoas que estão buscando por isso.

Uma outra forma de anunciar também pode ser feita através das mídias sociais, como Facebook, Instagram, Twitter ou Linkedin. Se você optar por esse formato, seu anúncio aparecerá para as pessoas de acordo com sua segmentação, durante seu contexto de navegação. Basta analisar e entender qual a melhor opção para seu negócio.

As mídias sociais para relacionamento

E é claro que não poderiam faltar as mídias sociais neste contexto. A tendência de aproximação do consumidor às marcas e criação de laços de relacionamento no marketing digital encontrou nas mídias sociais o canal ideal para criação destes pontos de contato. É por isso que podemos citar as mídias sociais como redes de relacionamento com seu público.

As empresas utilizam as mídias sociais como ferramentas de promoção da marca, divulgação dos seus produtos e serviços, e para fidelizar e engajar seu público na internet. O marketing de relacionamento está muito presente para criar, inicialmente, um ponto de contato com seu público-alvo.

É por isso que dizemos que uma estratégia de marketing nas mídias sociais não pode ser baseada apenas em mensagens promocionais. É preciso apostar nela para a criação de laços de relacionamento e confiança, para conseguirmos trabalhar postagens de divulgação sem afastar o público-alvo das nossas redes.

É preciso ter em mente a influência que as mídias sociais têm na vida e nas decisões da maioria das pessoas. É comum que, ao acordar, a primeira coisa que muitas pessoas fazem é abrir uma mídia social para conferir as novidades – quase como a TV em tempos antigos.

O modelo de compra e venda mudou com a mudança no comportamento do consumidor e o fortalecimento do marketing digital. As pessoas estão mais presentes nas mídias sociais para interagir com amigos, buscar informação, interagir e pesquisar. Com esse comportamento ativo, a forma como as empresas utilizam as mídias sociais também precisa ser personalizado – sem esquecer que na internet, quem tem poder é o consumidor.

Pronto para iniciar sua estratégia de marketing digital?

Não tem como a gente falar tuuuuudo sobre marketing digital em apenas um post. É muita coisa. Mas tentamos trazer um apanhado de alguns pontos que podem ser essenciais para posicionar sua marca na internet.

Aposte nessas ferramentas, lembrando sempre de analisar o comportamento do seu público e quais plataformas ele pode utilizar para buscar seus produtos e serviços. Na internet, tudo parte do comportamento dele – porque, pela milésima vez nesse post, é ele quem tem poder. A gente precisa conquistá-lo.

Você já sabe como atrair e conquistar o seu? Se precisar de ajuda, pode contar com a gente! E boa sorte aí na sua estratégia 🙂

EV Comunicação

Somos uma agência de marketing especializada no posicionamento de marcas para o mercado e ambiente digital. Aliamos estratégia e planejamento para posicionar marcas, inspirar pessoas e idealizar resultados. Conheça nosso trabalho!

Deixe uma resposta